Relacionamentos felizes: a arte de cativar e ser cativado

“A vida é curta para discussões banais, desculpas, amarguras. Só há tempo para amar e, mesmo para isso,é só um instante.” Mark Twain Cativa-me, diz a raposa para o principezinho Antoine de Saint- Exupéry no seu livro “O Principezinho”, num diálogo magnífico entre a raposa e o principezinho, elege de forma simples a importância de cativar […]

Voltar ao topo